{lang: 'en-US'}

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Shawn Coss e seus desenhos que dão corpo e vida às doenças e disturbios mentais




Por: Franz Lima. Curta nossa fanpage: Apogeu do Abismo.

São 31 dias do mês de outubro dedicados ao desenho. Um desenho por dia. E o ilustrador Shawn Coss aceitou o desafio, porém de forma diferente. Shawn optou por ilustrar no #inktober as várias doenças e distúrbios que afetam a mente. As doenças e distúrbios mentais são complicadas por que muitas vezes é quase impossível perceber que a pessoa está realmente afetada, já que a aparência continua a mesma. Algumas dessas síndromes e distúrbios são silenciosos, lentos e irreversíveis se não tratados a tempo. 
As ilustrações têm o aspecto de pesadelos, são macabras em sua maioria e desagradáveis, porém servem para alertar sobre a quantidade enorme de problemas que afetam a mente e, sobretudo, as sequelas deles. É um campo vasto, ainda em estudo e que precisa ser respeitado, estudado e compreendido para que possamos dar às pessoas atingidas uma melhor qualidade de vida. Os desenhos também serão um incentivo à pesquisa dos casos citados.
Para ampliar o alcance deste post, coloquei uma breve explanação de cada uma das doenças com base em suas descrições na Wikipedia.
Fiquem com as artes de Shawn Coss e sigam o ilustrador em suas redes sociais:
Facebook: Shawn Coss
Transtorno de Ansiedade Social
Fobia Social é o medo de ser exposto à observação atenta de outra pessoa e que leva a evitar situações sociais. As fobias sociais graves se acompanham habitualmente de uma perda da auto-estima e de um medo de ser criticado.
A Fobia Social é um transtorno de ansiedade descrito no DSM-IV e no CID10, caracterizado por manifestações de alarme, tensão nervosa, medo e desconforto desencadeadas pela exposição social — o que ocorre quando o portador precisa interagir com outras pessoas, realizar desempenhos sob observação ou participar de atividades sociais. Tudo isso ocorre até o ponto de interferir na maneira de viver de quem a sofre.

Transtorno do Engajamento Social Desinibido
Não encontrei a descrição exata dessa doença, apenas vagas referências.
Transtorno Obsessivo-Compulsivo

transtorno obsessivo-compulsivo (TOC)distúrbio obsessivo-compulsivo (DOC) ou Perturbação Obsessivo-Compulsiva (POC) (Português de Portugal) é um transtorno de ansiedade caracterizado por pensamentos obsessivos e compulsivos, no qual o indivíduo tem comportamentos considerados estranhos pela sociedade ou por si próprio; normalmente trata-se de ideias exageradas e irracionais de saúdehigieneorganizaçãosimetriaperfeição ou manias e "rituais" que são incontroláveis ou dificilmente controláveis.

Síndrome de Cotard
Síndrome de Cotard também chamada de delírio de Cotardsíndrome do cadáver ambulantedelírio niilista ou delírio de negação é uma síndrome rara de fundo psicológico na qual a pessoa acredita estar morta, não reagindo a estímulos exteriores nem a outras pessoas. Também pode acreditar que está com seus órgãos internos podres, apodrecendo ou que foram retirados. 
Foi o neurologista francês Jules Cotard quem primeiro descreveu a síndrome, em 1880.
Geralmente o tratamento envolve o uso de antidepressivos com sessões de eletroconvulsoterapia.
Pode estar relacionada à Síndrome de Capgras.
Síndrome de Capgras

Síndrome de Capgras (ou Delírio de Capgras) é um raro distúrbio no qual uma pessoa sofre de uma crença ilusória de que um conhecido, normalmente um cônjuge ou outro membro familiar próximo, foi substituído por um impostor idêntico. A síndrome de Capgras é classificada numa categoria de crenças ilusórias envolvendo erros de identificação a respeito de pessoas, lugares ou objetos. Pode ocorrer de forma aguda, passageira ou grave.

Transtorno Dissociativo de Identidade 

transtorno dissociativo de identidade, originalmente denominado transtorno de múltiplas personalidades, conhecido popularmente como dupla personalidade, é uma condição mental em que um único indivíduo demonstra características de duas ou mais personalidades ou identidades distintas, cada uma com sua maneira de perceber e interagir com o meio. O pressuposto é que ao menos duas personalidades podem rotineiramente tomar o controle do comportamento do indivíduo. O critério de diagnóstico também leva em consideração perdas de memória associadas, geralmente descritas como tempo perdido ou uma amnésia dissociativa aguda.

Agorafobia
Agorafobia (do grego ágora - assembleia; reunião de pessoas; multidão + phobos - medo) é originalmente o medo de estar em espaços abertos ou no meio de uma multidão. Em realidade, o agorafóbico teme a multidão pelo medo de que não possa sair do meio dela caso se sinta mal e não pelo medo da multidão em si. Muitas vezes é sequela de transtorno do pânico. Quando o medo surge é difícil saber se está se tendo um ataque de pânico ou agorafobia, porque ambos têm quase os mesmos sintomas.
Esquizofrenia

Esquizofrenia é um distúrbio mental caracterizado por comportamento social fora do normal e incapacidade de distinguir o que é ou não real. Entre os sintomas mais comuns estão delíriospensamento confuso ou pouco claro, alucinações auditivas, diminuição da interação social e da expressão de emoções e falta de motivação. As pessoas com esquizofrenia apresentam muitas vezes outros problemas de saúde mental, como distúrbios de ansiedadedepressão ou distúrbios relacionados com o consumo de substâncias nocivas. Os sintomas geralmente manifestam-se de forma gradual, desde o início da idade adulta, e permanecem durante um longo período de tempo.
Transtorno de Despersonalização
Transtorno de Despersonalização consiste de episódios persistentes ou recorrentes em que o indivíduo sente uma sensação de irrealidade e distanciamento de si mesmo, como se estivesse em um sonho ou filme.

O indivíduo tem uma sensação de ser um observador externo dos próprios processos mentais e do próprio corpo. Há também o sentimento de anestesia sensorial, falta de resposta afetiva, sensação de não ter o controle das próprias ações -  incluindo a fala - e uma alteração na percepção de  tamanhos ou formas de objetos (macropsia ou micropsia) e pessoas, observadas como "estranhas" ou "mecânicas".
Anorexia Nervosa
Anorexia nervosa, muitas vezes referida simplesmente como anorexia, é um distúrbio alimentar caracterizado por peso abaixo do normal, receio de ganhar peso, uma vontade intensa de ser magro e restrições alimentares. Muitas pessoas com anorexia vêm-se a si próprias com sobrepeso, apesar de na realidade apresentarem baixo peso. Ao serem confrontadas, geralmente negam existir um problema de baixo peso. Em muitos casos pesam-se frequentemente, ingerem apenas pequenas quantidades de alimentos e comem apenas determinados alimentos. Algumas realizam exercício de forma excessiva, forçam o vômito ou ingerem laxantes para perder peso. Entre as complicações da doença estão, entre outras, osteoporoseinfertilidade e problemas cardíacos.. As mulheres muitas vezes deixam de ter períodos menstruais.
Transtorno Depressivo Maior

Distúrbio depressivo maior (DDM) ou transtorno depressivo maior, conhecido simplesmente como depressão, é um distúrbio mental caracterizado por pelo menos duas semanas de depressão que esteja presente na maior parte das situações. É muitas vezes acompanhado de baixa autoestima, perda de interesse em atividades de outra forma aprazíveis, pouca energia e dor sem uma causa definida. As pessoas podem ocasionalmente manifestar delírios ou alucinações. Algumas pessoas apresentam episódios de depressão separados por um intervalo de vários anos em que o comportamento é normal, enquanto outras manifestam sintomas de forma quase permanente. A depressão pode afetar de forma negativa as relações familiares da pessoa, o emprego ou a vida escolar, o sono e as refeições e a saúde em geral. Entre 2 a 7% dos adultos com depressão morrem de suicídio e cerca de 60% das pessoas que morrem por suicídio apresentavam depressão ou outro distúrbio de humor.
Insônia
A insônia (português brasileiro) ou insónia (português europeu) é uma dissonia caracterizada pela dificuldade em iniciar e/ou manter o sono e pela sensação de não ter um sono reparador durante pelo menos um mês causando prejuízo significativo em áreas importantes da vida do indivíduo. Do ponto de vista polissonográfico, é acompanhada de alterações na indução, na continuidade e na estrutura do sono. Geralmente aparece no adulto jovem, é mais frequente na mulher e tem um desenvolvimento crônico. É o transtorno de sono mais comum, respondendo por cerca de 25% das buscas em clínicas especializadas em tratamento de problemas do sono. Cerca de metade dos pacientes com insônia também tem depressão maior.
Frequentemente o paciente com diagnóstico de insônia primária apresenta dificuldade para começar a dormir e acorda seguidamente durante a noite, sendo incomum uma queixa isolada de sono não reparador.
Transtorno Bipolar
O transtorno bipolar do humor (TBH), distúrbio bipolar ou transtorno afetivo bipolar (TAB) é um distúrbio mental em que a pessoa alterna entre períodos de depressão e períodos de elevado ânimo. O ânimo é significativo e é conhecido como mania ou hipomania, dependendo da gravidade ou se estão ou não presentes sintomas de psicose. Durante o período de mania a pessoa comporta-se ou sente-se anormalmente energética, contente ou irritável. Os doentes geralmente realizam decisões irrefletidas ou sem noção das consequências. Durante as fases maníacas a necessidade de sono tende a ser menor. Durante as fases depressivas a pessoa pode chorar, encarar a vida de forma negativa e evitar o contacto ocular com outras pessoas. O risco de suicídio entre as pessoas com a doença é elevado, sendo superior a 6% ao longo de vinte anos. Verifica-se automutilação em 30–40% dos doentes. Estão geralmente associados ao transtorno bipolar outros problemas mentais, como distúrbio de ansiedade e de consumo de drogas
Transtorno de estresse pós-traumático

O transtorno de estresse pós-traumático (TEPT), Perturbação de Stress Pós-Traumático (PSPT) (português europeu), estado de stress pós-traumático ou ainda síndrome pós-traumática, é um transtorno psicológico que ocorre em resposta a uma situação ou evento estressante (de curta ou longa duração), de natureza excepcionalmente ameaçadora ou catastrófica. Caso persista por mais de 2 anos, passa a ser considerada uma modificação duradoura da personalidade.

Autismo
 O autismo é um distúrbio neurológico caracterizado por comprometimento da interação social, comunicação verbal e não-verbal e comportamento restrito e repetitivo. Os sinais geralmente desenvolvem-se gradualmente, mas algumas crianças com autismo alcançam o marco de desenvolvimento em um ritmo normal e depois regridem.
O autismo é altamente hereditário, mas a causa inclui tanto fatores ambientais quanto predisposição genética. Em casos raros, o autismo é fortemente associado a agentes que causam defeitos congênitos. Controvérsias em torno de outras causas ambientais propostas; a hipótese de danos causados por vacinas são biologicamente improváveis e têm sido refutadas em estudos científicos. Os critérios diagnósticos exigem que os sintomas se tornem aparentes antes da idade de três anos. O autismo afeta o processamento de informações no cérebro, alterando a forma como as células nervosas e suas sinapses se conectam e se organizam; como isso ocorre ainda não é bem compreendido. É um dos três distúrbios reconhecidos do espectro do autismo (ASD), sendo os outros dois a Síndrome de Asperger, com a ausência de atrasos no desenvolvimento cognitivo e o Transtorno global do desenvolvimento sem outra especificação (comumente abreviado como PDD-NOS (sigla em inglês) ou TID-SOE (sigla em português)), que é diagnosticado quando o conjunto completo de critérios do autismo ou da Síndrome de Asperger não são cumpridos.

Há ainda outros desenhos de Shawn Coss com igual teor e que servem de alerta para os impactos e as dificuldades de cada uma das síndromes e transtornos abordados. Mas, acima de tudo, fica a mensagem da necessidade de estudo, acompanhamento e compreensão de nossa parte, já que a vida de pessoas com tais problemas é difícil e quase sempre incompreendida ou não levada a sério. 
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário