{lang: 'en-US'}

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Clube de Regatas do Flamengo: a final da Copa do Brasil e o desprezo pelo torcedor.




Por: Franz Lima.
Mesmo diante das palavras sempre otimistas do lateral Léo Moura, a verdade é que tornou-se quase impossível para o torcedor com menor renda ir ao Maracanã na final da Copa do Brasil. 
O Flamengo é um time que possui uma das maiores torcidas do mundo. Aliás, ele tem a mais participativa que eu conheço e, claro, faço parte.
Foi com o apoio dessa mesma torcida que o clube alcançou suas maiores glórias. 
Entretanto, alguns dirão, torcida não ganha jogo. Sim, não há como discordar. O fato é que esses mesmos 'alguns' esquecem que o apoio faz a diferença em todas as ocasiões. Resultados à parte, sem o incentivo qualquer um pode ser afetado pelo desânimo, cansaço ou pela baixa autoestima. Reparem como um corredor cansado ganha novo fôlego ao ser apoiado. Assim sempre foi e será com relação à torcida do Flamengo que se mantém fiel mesmo nos momentos mais turbulentos.
A polêmica é válida. O clube não pode penalizar seus torcedores em prol de uma arrecadação maior, principalmente se levarmos em conta que o valor alto irá segregar a torcida. Falando em bom português, esse aumento irá beneficiar o clube, permitirá que uma elite assista ao jogo e excluirá o trabalhador mais humilde que, infelizmente, não dispõe de 250 reais (que é o menor valor). 
A massa rubro-negra é fiel ao clube. Resta agora que o Flamengo faça a sua parte e seja igualmente honesto com seus milhares de torcedores.
Jogue junto com sua torcida, Mengão.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário