{lang: 'en-US'}

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

AREIAS DO TEMPO. Uma aventura de Hermux Tantamoq”, livro de Michael Hoeye






Por: Isaac de Souza
Um livro despretensioso e modesto. Simples de ser lido e por isso mesmo indicado pela editora para jovens leitores, embora o sobrenome de seus protagonistas seja quase um trava-línguas.
O autor situa seu conto em uma sociedade de roedores, isso mesmo, ratinhos e esquilos. Continuação de outro conto seu chamado “O tempo não pode parar”, conta uma aventura de um ratinho relojoeiro acompanhado pelo amor de sua vida e um velho esquilo que fora amigo de seu pai. Os três se veem envolvidos em uma busca por uma civilização perdida há milênios onde os gatos dominavam a terra. Porém sua jornada mostra-se permeada de mistérios, conflitos íntimos e intrigas que fazem dela uma verdadeira e divertida corrida contra o tempo.
            O leitor não poderá deixar de pensar que se o enredo fosse transformado em filme ocuparia no máximo uma sessão da tarde com pipocas, o que não é necessariamente uma critica. Lembra muito “a caça ao tesouro perdido” sem o Nicolas Cage (em bom português: Nicolau Gaiola), o que é sem dúvida um ganho. Em seu lugar estrela um esquilo cuja história é bem mais interessante.
            Os capítulos curtos, de no máximo duas páginas, imprimem à narrativa um certo ritmo de urgência e dinamismo constante tornando a leitura deste livro surpreendentemente delicioso de folhear em qualquer viagem entediante ou na sala de espera de qualquer médico. Boa diversão.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário