{lang: 'en-US'}

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Nina Levy: escultura mistura excentricidade ao hiperrealismo.




Fonte: Nina Levy

A arte não se resume à reprodução fiel de uma imagem ou ao uso exarcebado de cores. Também não é uma simples fotografia ou uso de mais força no pincel. Arte é enxergar além do que queremos retratar, seja um quadro, um texto ou um filme. O que destaca uma obra, o que a remove do anonimato é a utilização da alma de seu autor para dar vida. Beleza? Ela sempre estará nos olhos de quem a vê, fato. 
Nina Levy tem obras que criticam nossa sociedade, seus valores e aponta (sem medo de ser apontada de volta) para algumas lacunas de nosso comportamento. Há traços de um surrealismo no que faz, mas também há traços de uma pessoa atenta ao mundo contemporâneo e suas inúmeras falhas. 
Assim, por meio das já citadas falhas, Nina evidencia alguns pontos culminantes e desagradáveis de nossa existência, demonstrando coragem e consciência do universo que habita. 





←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário