{lang: 'en-US'}

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Chaves, a história oficial ilustrada (resenha do livro).




Não mentirei sobre um detalhe: há pouco tempo que curto realmente a série "Chaves", infinitamente reprisada no SBT e, atualmente, exibida em seu novo formato até na TV paga, em desenho animado.
Contudo, a fama e o apelo humorístico da série, além do outro sucesso "Chapolin", levaram-me a buscar mais sobre o que teria de tão bom nestas produções a ponto de transformá-las em sucessos que marcariam gerações.
E, novamente, outra confissão: adorei o que descobri. As séries tem um humor simples, mas eficiente, sem necessitar de apelos e acessos, sem brincar com defeitos físicos, sem uso de brincadeiras com conteúdo racista ou os "recursos" usados nos humorísticos de hoje. Enfim, tornei-me fã de Chespirito e sua trupe. 
Então, de posse de um vale-compras da livraria Eldorado (isso não é um jabá), fui em busca da biografia do... Metallica. Sim, eu não iria comprar a história de Chaves. Minha meta era adquirir uma das duas biografias à venda da banda, porém não havia um único exemplar disponível. Um pouco triste por tal ocorrido, pesquisei outros livros, mesmo triste por não achar o que queria.
Abreviando a história (preciso manter o foco, pois isso é uma resenha) encontrei esse livro que me chamou a atenção pela simplicidade. Com as cores do Chapolim e fotos e ilustrações em preto-e-branco, interessei-me pela história dedicada não só à série televisiva, mas também à mente por trás disso tudo: Roberto Gómez Bolaños.
Admiro demais a trajetória do Metallica, porém não me arrependo por adquirir a obra sobre a qual escrevo agora. Tal e qual o tema que dá nome ao livro, fui cativado pela simplicidade do conteúdo escrito e as imagens que compõem a obra. Simples não é sinônimo de conteúdo ruim, reforço.
Após as devidas explicações, vamos ao que é primordial: o livro em si.
Chaves - a história oficial ilustrada - é um livro escrito sem a pretensão de ser uma biografia. Apesar de contar muitas partes da vida do mentor e o mais consagrado da trupe, Roberto Gómez Bolaños, é importante ressaltar que há outros livros mais completos, inclusive escritos pelo próprio Roberto. De qualquer forma, gostei muito do conteúdo despretensioso e agradável que há na obra. 
Florinda Meza
A trajetória mostrada (literalmente) de Roberto - desde seu despretensioso início até a aposentadoria, é muito interessante.  Os múltiplos talentos ficam ainda mais evidentes através das fotos e da descrição das situações e condições que levaram o pequeno menino que pretendia ser jogador a se transformar em um fenômeno da comunicação e do entretenimento. 
A pretensão por trás deste lançamento da Editora Universo dos Livros é, além das vendas, a de agradar ao imenso público que idolatra até hoje Chaves e Chapolin, os personagens mais famosos de Bolaños. Mas essa não é a única virtude do livro. Quando lerem e descobrirem muitos detalhes da carreira de Roberto Bolaños, Florinda Meza, Maria Antonieta de las Nieves, Carlos Villagrán, Ramón Valdés, Rubén Aguirre e os demais integrantes de um grupo que foi sucesso no cinema, teatro e TV, entenderão melhor que a receita para o sucesso está no comprometimento, na amizade e inteligência, esta personificada através de Chespirito e sua extensa obra.
Através deste simples e agradável livro, pude descobrir que ainda há muito a se descobrir (e aprender) sobre como progredir através de um sonho e, principalmente, lutando por aquilo que acreditamos ser verdadeiro. 
Chaves, Chespirito, Chapolin ou qualquer outro nome... não importa. O que fica após ler este livro, além do desejo de ler os demais sobre o mesmo tema, é a sensação de que somos capazes de qualquer coisa, bastando ter força de vontade para ir onde outros não tiveram coragem de ir. A vida de Roberto, seus laços de amizades, suas falhas e tudo mais correlacionado à ascensão de um menino que cresce e vira um sucesso mundial, um ícone para crianças e adultos, servirá como inspiração para o leitor e, certamente, reforço para a admiração dos antigos e novos fãs. Recomendo a leitura...




←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário