{lang: 'en-US'}

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Usuário completa 1 mlhão de edições no Wikipedia




São Paulo - O norte-americano Justin Anthony Knapp, de 30 anos, foi reconhecido como o primeiro usuário a alcançar 1 milhão de edições na enciclopédia online Wikipedia.
Formado em Filosofia e Ciência Política pela Universidade Indiana, Knapp é voluntário do site desde março de 2005, quando começou com edições anônimas, e desde então produz em média 385 edições por dia, que na maioria das vezes abordam política, religião, filosofia e cultura popular.
Com o nome de usuário "koafv", Knapp utiliza o navegador Mozilla Firefox para fazer suas edições, além de entender HTML e realizar mudanças no Wikipedia em espanhol.
Voluntário há mais de cinco anos, Knapp acaba de sair de seu último trabalho como entregador de pizza, e declara que já fez todos os tipos de serviço para conseguir dinheiro. Entretanto, como se trata e uma companhia sem fins lucrativos, a Wikipedia provavelmente não irá contratar o usuário.
O Wikipedia possui mais de 90 mil editores, que contribuem regularmente com a enciclopédia online. "A busca da verdade é rica por causa da reciprocidade entre as pessoas", afirma o Justin Knapp.

Fonte: Info Abril

Nota: apesar de esta ser uma notícia muito boa, ainda ficam muitas dúvidas quanto à qualidade da Wikipedia e as informações nela disponibilizadas. A política de publicação aparentemente é bem clara, mas não vejo uma correspondência na política de filtragem do que ali é publicado.
A ideia de uma enciclopédia virtual, com abrangência quase ilimitada, é algo de grande valor e que pode se tornar algo muito próximo de um livro de história definitivo, mas ainda resta muito a fazer. O conhecimento não é algo a ser monopolizado e deve ser distribuído aos que desejam acessá-lo. Contudo, a responsabilidade dos que lá publicam tem que ser diretamente proporcional às expectativas de quem busca estas informações. Clareza e verdade devem ser as premissas de um projeto de tal magnitude. Erros tem que ser corrigidos com o máximo de brevidade e os enganadores precisam de uma exclusão sumária. Não quero aparentar um radicalismo que beira o fanatismo religioso, porém é preciso que entendamos as seqüelas da distribuição de informações erradas. Muitos podem tomar o que lá está registrado como verdade única e, de posse de tais dados deturpados, criar visões equivocadas e prejudiciais em muitas variáveis.
A responsabilidade do que lá está gravado não deve ser exclusivamente de quem publicou, mas da equipe gerenciadora dos dados. A ideia, como disse antes, é incrível, porém tem que ser levada a sério ou, do contrário, teremos uma geração mal informada e mal formada intelectualmente.
(Franz Lima)
←  Anterior Proxima  → Página inicial

3 comentários:

  1. Concordo com o seu comentário e complemento: penso também que é muito difícil gerenciar tanta informação. Até vejo um certo esforço nesse sentido, mas, por se tratar de um projeto coletivo voluntário, até que os resultados no geral não são tão lamentáveis assim, e claro, podem melhorar muito.

    Os especialistas de cada área também poderiam colaborar mais, e fazer com que a Wikipedia se torne um projeto mais profissional e que considere também as divergências conceituais (várias perspectivas autorais) e não apenas as convergências, ou uma noção presumidamente objetiva.

    O fato é que também aqueles que lêem a Wikipedia precisam, na medida do possível, cotejar as informações reportando-se a mais fontes. Como no mundo jurídico, reportar-se em única prova ou testemunho é algo temerário. Portanto, é muito bom termos a Wikipedia, imagino um Diderot apreciando essa obra, mas é muito melhor termos a Wikipedia, outras fontes e nosso juízo crítico.

    ResponderExcluir
  2. É uma notícia boa, mas o alerta tb é. Lembrei daquela piadinha feita pelo Não Salvo, alterando a página do ator que fez o Sr. Barriga, como se ele tivesse morrido. Demoraram para descobrir que era mentira...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Trollada total. Mas a Wikipedia tem um agravante: ela é referência em pesquisas...

      Excluir