{lang: 'en-US'}

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Mostra De Volta à Infância 'recria' mundo adulto com brinquedos




Fonte das fotos: Café das quatro
Hoje é muito difícil ver brinquedos onde a criança interage sem necessitar de recursos tecnológicos. Em sua esmagadora maioria, os brinquedos usam pilhas ou baterias e tem uma "rota" de ações pré-determinadas. Seja um robô que se movimenta, um boneco que acende os olhos, uma boneca com 40 frases diferentes ou o já popular vídeo-game. É quase impossível ver uma criança (exceto as pequeninas entre 0 e 5 anos) que goste ou tenha algo para brincar sem um circuito eletrônico, placa de som ou engrenagens movidas por uma fonte externa de energia. Brinquedos de madeira, artesanais, de pelúcia ou plásticos, porém desprovidos de tecnologia, só são encontrados (e isso já é quase regra) em lojas especializadas em produtos educativos. Sinal dos tempos...
Mas um fotógrafo (o francês Julien Mauve) resolveu fazer um ensaio (Back to Childhood) com base na diversão das crianças de antigamente. Nestas fotografias, apenas uma não se enquadra no que eu escrevi acima (um autorama - antiga pista de corrida), pois é movido à pilha. De qualquer forma, as fotografias foram muito bem elaboradas, com cenários onde o brinquedo se encaixa, dando a impressão que o adulto realmente está brincando, ao invés de estar praticando uma ação corriqueira. Desde a lavagem de um automóvel, passando pela consulta ao veterinário, até a pintura de um quadro, tudo é visto como se o adulto fosse uma criança. 
Uma idéia interessante e criativa e, por tais qualidades, está aqui. 
(Texto: Franz Lima)










←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário