{lang: 'en-US'}

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

A simplicidade incentivando as crianças a ler.




Em plena era dos gadgets, tecnologia de ponta, iPod, iPad, tablets e todas as outras parafernálias digitais, ainda há espaço para a arte e a simplicidade. Claro, a tecnologia é uma realidade e uma necessidade atuais. Não há como se desvincular dos avanços, pois o mundo está envolto pela tecnologia e, invariavelmente, nossas crianças crescerão cercadas por isso. Mas nem só de placas, chips e telas de LED vivem nossas crianças. Na verdade, é muito fácil imaginar em quantos minutos um tablet duraria na mão de uma criança. Não criaram até o momento um reader à prova de baba, pancadas, água, tombos frequentes e, principalmente, a curiosidade infantil. Pensando nisso, várias empresas investiram (há muitos anos, cabe ressaltar) nos livros "à prova de bebês", feitos em plástico, pano e outros materiais resistentes às brincadeiras de nossos filhotes. 
O incentivo à leitura deve ser feito precocemente em nossas crianças e, usando estes recursos, podemos incutir este saudável hábito que irá se prolongar por toda a vida.
Os livros de pano são ideais para o dia a dia dos pequenos, ao passo que os livros de plástico, impermeáveis, são recomendados para o momento de banho, onde eles fazem mais bagunça.
Os conteúdos dos livros são simples e didáticos. Há os que exploram as diferenças entre as coisas (grande e pequeno, alto e baixo, aberto e fechado) e os que incentivam o aprendizado de números e letras. Coloridos, inofensivos e atraentes, estas pequenas jóias são ferramentas bem efetivas no processo de aprendizagem dos pequeninos.
Outro fator importante que, não resta dúvidas, pais e mães questionam: o preço e a durabilidade compensam? Bem, fazendo uma relação custo-benefício, eu afirmo que adquirir um destes é um negócio muito bem feito. Eles são duráveis, bonitos e podem passar facilmente de um filho para outro (no meu caso, os livros do meu menino mais velho já estão sendo usados por minha filha mais nova), desde que os pais façam um esforço para ajudar a conservar os livros (são de pano ou plástico, não de kevlar).

Ensinando noções: fechado.
Ensinando noções:aberto























Ensinando noções: cores.
Livro de plástico para o banho
As lições presentes nestes livros irão formar a base para uma criança plena de imaginação, criatividade e curiosidade. As noções mais simples são passadas às crianças de forma agradável e, como já dito anteriormente, visualmente atraentes. Há também alguns deles que possuem dispositivos sonoros para atrair ainda mais a atenção dos bebês e crianças.
Enfim, os livros de pano ou plásticos são um recurso (não apenas um brinquedo, como alguns pensam) a mais no processo de aprendizagem e crescimento intelectual de nossas crianças. Chegará o dia em que elas precisarão dos tablets, e-readers e outros equipamentos usados no ensino e no cotidiano atualmente, mas é fato que eles estarão muito mais preparados a lidar com estas tecnologias, e até com os livros comuns, porque adquiriram o hábito de ler, o gosto por portar um instrumento fonte de ensinamentos. É válido lembrar que somos frutos dos exemplos ao nosso redor. Quando um pai lê, ele está mostrando ao seu filho que isso é algo bom, proveitoso.
Somos um espelho para nossos filhos e o reflexo que será mostrado dependerá de incentivarmos os bons hábitos em nossas crianças. 
Livro de plástico para o banho



←  Anterior Proxima  → Página inicial

4 comentários:

  1. Realmente o incentivo para leitura deve começar bem cedo. Quero fazer isso com meus filhos =)

    ResponderExcluir
  2. É o momento correto de colocar no âmago de nossos bebês este hábito tão saudável...

    ResponderExcluir
  3. A imaginação e criatividade nunca poderão ser reproduzidas por meio tecnológico, tais qualidades precisam de vivência. Considerando esse ponto, podemos concluir que as duas qualidade tão importantes são o que movimenta o desenvolvimento! Muito boa essa ideia dos livros à prova de bebês.

    ResponderExcluir
  4. Valeu pelo comentário, Ed. Tenho novos projetos de post em pauta. Aguardem...

    ResponderExcluir